Castelo de AlmourolX

Vila Nova da Barquinha

Berço de lendas que a imaginação dos habitantes engendraram, o Castelo de Almourol é bem um baluarte templário num cenário de sonho, que se ergue sobre um afloramento granitico no meio do rio Tejo. Da imponente Torre de Menagem do Castelo pode vislumbrar-se todo o encanto da paisagem circundante, as transparentes águas do Tejo, bem como os campos cobertos de frutos amadurecidos pelo sol.

Característica da vida à beira rio é sem dúvida a frente ribeirinha de Tancos com o povoado muito próximo do rio que se reflete nas azuis águas do espaçoso leito do Tejo que vê passar os seus emproados barcos outrora tão dinamizadores desta região.

Desejando conhecer o valioso património artístico desta vila, porque não visitar a Igreja da Atalaia, que possui um portal renascentista de cinco corpos distintos lavrados com rara beleza. No seu interior pode observar os azulejos de grande efeito artistico bem como, na Igreja Matriz de Tancos o cálice de prata dourada do séc. XVI e todo o enquadramento de pinturas da época, sem esquecer a bela arquitectura de todos estes soberbos imóveis.

Terra profundamente ligada ao Rio Tejo não pode deixar de ter como recordação o artesanato ligado a barcos e redes de pesca. Típicos são também a olaria e os vimes que recordam tradições antigas e o imensuravel património mítico ligado ao seu esplendor vagueio pelo imaginário.